Artista faz perfume com os próprios excrementos

O artista britânico Jamie Nicholas usou suas próprias fezes como matéria prima para produzir seu perfume, uma fragrância que ele chamou de “Surplus”. E, acredite ou não, ele já vendeu 25 frascos, por 65 dólares cada.

Em uma entrevista, Nicholas afirmou que teve a ideia de produzir o perfume depois de ter lido um livro chamado “História da Merda” (The hystory of shit) – lá, ele aprendeu que historicamente, os cheiros bons eram usados para cobrir os cheiros ruins. Estudando mais o assunto, ele descobriu que muitas das moléculas que compõem os cheiros bons e os ruins são as mesmas, elas só aparecem em concentrações diferentes.

Por exemplo, uma molécula chamada Skatol está presente tanto nas fezes quando nas flores de laranjeira.

A produção do perfume de fezes acontece no apê de Nicholas, onde ele trabalha com as janelas abertas tampando o nariz. Ele ficou uma semana tentando extrair os óleos essenciais das fezes e depois destilou sua mistura. Foram produzidas 85 frascos e ele já conseguiu vender 25 delas.

O próprio artista admitiu que raramente usa seu perfume, embora alguns clientes tenham elogiado o cheiro.[OddityCentral]

Opções de exibição de comentários

Escolha seu modo de exibição preferido e clique em "Salvar configurações" para ativar.

Imagino a Propaganda: - QUE

Imagino a Propaganda:

- QUE MERDA DE PERFUME !

ou: Não gaste seu $ com outros perfumes de merda. Gaste com o ORIGINAL.

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
17 + 2 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4