Pessoas que bebem mais café sob menor risco de terem um melanoma

Pessoas que bebem mais café são menos propensas a sofrer um melanoma maligno, e seu risco diminui um pouco com cada xícara tomada, de acordo com os resultados publicados número de 20 de janeiro de 2015 da revista Journal of the National Cancer Institute. O melanoma maligno é um câncer e pele associado a um grande risco de metástases e mortalidade. O melanoma é a principal causa de morte por câncer de pele nos Estados Unidos e o quinto câncer mais comum. Em 2013, havia uma estimativa de 77.000 novos casos de melanoma e cerca de 9.500 mortes por câncer.

Pesquisas anteriores já haviam demostrado que o consumo de café pode aparentemente proteger contra as formas menos letais de câncer de pele, diminuindo os danos às células da pele causados pelos raios ultravioleta do sol. Pesquisadores ligados à Universidade de Yale e ao Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos descobriram que a ingestão de quatro ou mais xícaras de café por dia foi associado com cerca de 20 por cento de redução de risco de melanoma maligno.

Os pesquisadores reuniram dados de um estudo dirigido pelos Institutos Nacionais de Saúde. Um questionário foi enviado para 3,5 milhões de essoas que vivem em seis estados americanos: Califórnia, Flórida, Louisiana, New Jersey, Carolina do Norte e Pensilvânia; bem como duas cidades, Atlanta e Detroit.

O questionário obteve Informação sobre o hábito de beber café em cerca de 447.400 idosos brancos em 1995 e 1996, e os investigadores seguiram os participantes por cerca de 10 anos, em média.

Todos os participantes estavam livres do câncer quando preencheram o questionário, e os pesquisadores ajustaram os dados para outros fatores que poderiam influenciar o risco de melanoma. Entre estes, história de exposição à radiação ultravioleta, índice de massa corporal, idade, sexo, atividade física, consumo de álcool e tabagismo.

Eles descobriram que pessoas que beberam mais café a cada dia se um menor risco de melanoma, em comparação com aqueles que bebiam pouco ou nenhum café.  Houve também uma tendência de maior proteção com aumento do consumo. As pessoas que bebiam de uma a três xícaras por dia tinham uma diminuição de cerca de 10 por cento do risco de melanoma em comparação com aqueles que não beberam nenhum, enquanto que aqueles que bebiam quatro ou mais xícaras tiveram uma diminuição de 20 por cento no  risco da doença.

Fonte: Jan. 20, 2015, Journal of the National Cancer Institute.

Copyright © 2015 Bibliomed, Inc.

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
17 + 0 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4