Uso indiscriminado de testosterona ligado a riscos cardíacos

Uma pesquisa publicada na revista JAMA Internal Medicine indica que as prescrições de testosterona nos Estados Unidos mais do que triplicaram na última década. No entanto, os pesquisadores suspeitam que grande quantidade da testosterona dispensada em clínicas especializadas não é controlada, uma vez que muitas vezes é comprada com dinheiro vivo.

Em número crescente, os médicos estão reclamando que as pesquisas já realizadas sobre a segurança dos adesivos de testosterona, cremes e emolientes não são conclusivas, deixando os médicos e pacientes incertos sobre como e se devem tratar casos de "baixa testosterona”.

Agora, uma sequência de estudos liga a suplementação de testosterona ao aumento de infartos do coração (ataques cardíacos) e riscos de acidente vascular cerebral (derrame) – AVC.

Outras preocupações existentes nos Estados Unidos relacionam-se ao uso de testosterona por homens mais velhos, por temer-se por risco adicional para ocorrência de câncer de próstata.

Fonte: Kaiser Health News.

Copyright © 2014 Bibliomed, Inc.

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
4 + 4 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4