Olhar fixo

Um jovem atravessou o Japão em busca de um famoso praticante de artes marciais. Chegando ao dojô foi recebido em audiência pelo Sansei. - O que você quer de mim? Perguntou o mestre.

- Quero ser seu aluno e me tornar o melhor lutador de caratê do país, respondeu o rapaz. Quanto tempo preciso estudar?

- Dez anos pelo menos. Responde o mestre.

- Dez anos é muito tempo. E se eu praticasse com o dobro de intensidade dos outros alunos?

- Vinte anos. Disse o mestre.

- Vinte anos! E se eu praticar noite e dia, dedicando todo o meu esforço?

- Trinta anos.

- Mas eu lhe digo que vou dedicar-me em dobro e o senhor responde que a duração será maior, espantou-se o jovem.

- A resposta é simples: quando um olho está fixo aonde se que chegar, só resta um para encontrar o caminho

 

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
11 + 9 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4