Como manter a saúde do crédito pessoal, ou "nome limpo"

Um certo dia, ao pedir um empréstimo, financiamento, abertura de crediário ou, simplesmente, ao passar um cheque, você pode vir a descobrir que o crédito foi negado porque seu nome está "sujo" na praça. Isso significa que você deixou de honrar algum compromisso financeiro no passado, e a empresa lesada incluiu seu nome em um orgão de proteção ao crédito, como a Equifax, SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) ou Serasa. Estes órgãos são bancos de dados das associações comerciais, presentes em todos os estados brasileiros, em que são mantidos cadastros de consumidores que não quitaram seus débitos. Pode ser incluída nestes bancos qualquer pessoa que tenha emitido cheques sem fundos, tenha títulos protestados ou deixe de honrar parcelas de financiamentos ou pagamentos de cartão de crédito.

Caso isso aconteça com você, não entre em pânico - não é o fim do mundo. Mas não perca tempo. Inicie imediatamente o processo para a retirada de seu nome destes cadastros. A maioria dos estabelecimentos comerciais e instituições financeiras consultam estes órgãos para descobrir se você tem dívidas não cobertas, e fatalmente negarão qualquer pedido de crédito que você faça.

Como limpar o nome

Comece por se dirigir à instituição onde seu nome consta como inadimplente e solicite um extrato, que vai lhe dizer qual foi o estabelecimento que efetuou a inclusão e qual é a dívida pendente. No local, solicite informações sobre como proceder - algumas dívidas poderão ser pagas ali mesmo, ou você terá que procurar o estabelecimento comercial para quitar a dívida e solicitar a exclusão do seu nome do serviço de proteção ao crédito em questão.

Em caso de emissão de cheque sem fundos, devolvido duas vezes pelo banco, você deve procurar a sua agência bancária e solicitar informações sobre o número, valor e data do cheque. Procure a pessoa ou estabelecimento para quem você passou o cheque, regularize o pagamento, recupere o cheque original e retorne à agencia. O seu banco será responsável por enviar as informações para o Banco Central e regularizar seu cadastro no CCF (Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundo) e na Serasa. Importante: enquanto o seu nome estiver no CCF, o seu banco não emitirá talões de cheques para sua conta corrente.

Uma anotação de título protestado ocorre quando uma pessoa deixa de pagar uma dívida e o credor decide protestar o débito em cartório. Nesse caso, é necessário dirigir-se ao cartório que registrou o protesto e solicitar uma certidão para verificar quem é o protestante. Entre em contato com o estabelecimento, regularize o débito e solicite uma declaração de quitação da dívida. Reconheça a firma deste documento e volte ao cartório para solicitar o cancelamento do protesto. Depois do cancelamento, solicite nova certidão, entregue-a no órgão de serviço de proteção ao crédito e aguarde a baixa da anotação.

Para mais informações sobre os serviços de proteção ao crédito, visite:

Lista de telefones SPC's em todos os Estados, Equifax, Guia Serasa de Orientação ao Cidadão e Procon-SP.

Com informações do site www.financaspraticas.com

 

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
1 + 16 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4