Confira o que você precisa fazer aos 20, 30, 40 e 50 anos para ter um futuro tranqüilo junte 1 milhão de reais até se aposentar

 

Futuro milionário

Confira o que você precisa fazer aos 20, 30, 40 e 50 anos para ter um futuro tranqüilo e aprenda a juntar 1 milhão de reais até se aposentar

Por CAMILA GUIMARÃES

 

Mesmo que você ainda esteja muito longe de se aposentar, vale a pena pensar no assunto e avaliar se os seus investimentos serão sufi cientes para garantir uma vida confortável no futuro. Um bom planejamento, de acordo com consultores de fi nanças pessoais, não pode se limitar ao cálculo de quanto dinheiro será necessário para a sua aposentadoria. É preciso considerar os projetos e expectativas que você tem para essa fase. Quem pretende passar a metade do ano viajando certamente precisará poupar mais do que quem sonha em se mudar para o campo. Quanto mais específi co for o planejamento, menor será a probabilidade de subestimar os custos da aposentadoria.

Disciplina para ficar rico

Parar de trabalhar e ter 1 milhão de reais na conta pode se tornar realidade se você começar a poupar cedo e com regularidade -- ANA BORGES

Você pode se aposentar milionário se quiser. Tudo vai depender da sua disciplina em investir e da idade em que começar a poupar. Quanto mais cedo, melhor. Lembre-se que sobre os valores dos resgates feitos na aposentadoria haverá a cobrança de Imposto de Renda, de acordo com a opção de tributação escolhida pelo cliente. Veja algumas situações para se tornar milionário com um plano de previdência com rentabilidade de 6% ao ano, que investe apenas em renda fixa:

Sua idade hoje (em anos)

Para ter 1 milhão de reais aos 55 anos, invista todo mês (em R$) *

20

696

25

720

30

1 440

35

2 245

40

3 750

45

6 070

* Esta simulação leva em conta um investimento inicial de 5 000 reais. Fonte: BrasilPrev Seguros e Previdência

As seguradoras que administram planos de previdência complementar estimam que uma renda equivalente a 70% do último salário líquido baste para manter o mesmo padrão de vida. O consultor de fi nanças pessoais Fabiano Calil, de São Paulo, discorda desse cálculo. As despesas não diminuem, elas mudam. Por isso, detalhar como será seu estilo de vida e projetar os gastos para concretizá-lo fará você ter mais (ou menos) sucesso na sua estratégia de investimento de longo prazo. O ponto de partida é defi nir a idade em que você quer se aposentar. Você vai saber quantos anos de despesa terá de custear, explica Luciano Snel, diretor de produtos da carioca Icatu Hartford. Ou seja, se quer se aposentar aos 65 anos e trabalha com uma expecativa de vida de 90, seu planejamento deve considerar 25 anos de gastos. Veja como conciliar a carreira com o quanto precisa guardar para a aposentadoria:

AOS 20 ANOS

1. Gaste menos do que ganha: quanto mais cedo você cultivar a disciplina de poupar, menores serão os riscos de tomar decisões fi nanceiras equivocadas e de atrasar a sua aposentadoria.

2. Poupe pelo menos 20% de sua renda bruta: aproveite que as suas responsabilidades ainda não envolvem fi lhos e família para poupar mais. Se 20% for muito, compense guardando parcelas do 13o salário ou do bônus, se você receber um.

3. Contenha-se ao escolher o carro: o erro mais comum nesta idade é comprometer a renda com o fi nanciamento de um carro caro. O preço do automóvel infl uencia o valor do seguro, que já é mais alto para pessoas jovens.

4. Compre a primeira casa à vista: diga não àquele amigo que propôs alugar um apartamento e fuja do fi nanciamento. Quanto mais você guardar, mais cedo colocará as mãos nas chaves da primeira casa.

5. Invista de maneira arrojada: esse é 0 melhor momento para fazer investimentos de maior risco, aplicando diretamente em ações ou em fundos de renda variável. Se ocorrerem perdas, ainda haverá tempo para recuperá-las.

6. Crie um fundo de emergência: guarde dinheiro sufi ciente para cobrir dois anos de despesas básicas. Assim, você não mexe nos seus investimentos caso ocorra um imprevisto.

AOS 30 ANOS

1. Priorize sua carreira: essa é a melhor hora para investir no seu desenvolvimento. Faça especialização e planeje um MBA, guardando dinheiro para pagá-lo à vista.

2. Tire proveito das vantagens tributárias: com uma renda maior, é bem provável que você passe a pagar mais Imposto de Renda. Conheça as possibilidades de abatimento das quais você pode usufruir.

3. Trate seu portfólio como uma empresa: os custos de seus investimentos devem ser avaliados e reduzidos. Evite as taxas de administração ou de performance altas.

4. Diversifi que seus investimentos: ainda não é hora de buscar segurança, mas é importante arriscar menos, especialmente se você já tiver casado.

5. Continue longe dos fi nanciamentos: trocar de carro ou de apartamento não precisa ser sinônimo de endividamento. Faça aplicações separadas para cada objetivo e só aja quando puder pagá-los à vista.

6. Some as rendas, divida os custos: quando se tem uma família, unir os planejamentos é fundamental. Compartilhe as metas e evite que a falta de disciplina de um atrapalhe os planos do outro.

7. Considere os filhos como projetos: na hora de estimar os custos de cada fi lho, considere 25 anos. Entre escola, cuidados médicos, roupas e faculdade, os pais gastarão ao longo desse período o equivalente a 1 milhão de reais com cada um.

AOS 40 ANOS

1. Turbine sua previdência: esse é o momento certo para poupar mais, considerando que sua carreira está próxima do auge. Direcione a maior parte de sua remuneração variável para a previdência e os investimentos de longo prazo que serão usados quando você não tiver mais a renda do seu salário.

2. Poupe para a saúde: escolha um fundo de investimento ou mesmo um plano de previdência específi co para questões de saúde seja para custear o seu plano após os 60 anos ou para uma emergência eventual. As seguradoras estimam que 65% dos gastos com saúde que uma pessoa tem na vida ocorrerão após os 60 anos.

3. Cuidado com a casa na praia: quando os fi lhos decidem morar sozinhos, o sonho da casa na praia ou no campo pode se tornar um tiro no pé. Muitas vezes é difícil conseguir vender o imóvel sem ter prejuízo.

4. Invista no networking: aproxime-se das pessoas mais jovens, como um chefe bem relacionado, e reforce os laços com os amigos da graduação e do MBA. Com um bom networking você pode embarcar num processo de aposentadoria gradual, atuando como consultor num primeiro momento, garantindo mais anos de geração de renda antes de passar a depender exclusivamente das reservas acumuladas durante toda a vida.

AOS 50 ANOS

1. Reavalie sua moradia: em poucos anos seus fi lhos vão comprar o primeiro apartamento e ingressar no mercado de trabalho. Considere mudar para um lugar menor, com boas condições de acessibilidade. E adicione os lucros obtidos na troca do imóvel aos seus investimentos feitos para quando você se aposentar.

2. Revise o planejamento tributário: as deduções que você obtinha com os dependentes poderão ser compensadas pelo aumento nos custos de saúde. Avalie com um advogado se vale a pena adiantar parte da herança que você deixaria a seus dependentes ou se é melhor doar parte de seu patrimônio em vida, para diminuir a tributação.

3. Atualize seus planos: à medida que a idade que você pensa em se aposentar se aproxima, é importante reavaliar as metas. Será que você quer mesmo parar de trabalhar agora? Ou prefere manter suas atividades? É importante que você trace cenários alternativos e se mantenha fl exível, tendo em mente sua expectativa de vida.

4. Resista à tentação do negócio próprio: boa parte das pessoas acaba arriscando os investimentos de décadas ou o pacote de aposentadoria em empreendimentos com grande risco de dar errado. Será que você quer mesmo ser dono de uma pousada e trabalhar todos os fi ns de semana e feriados? Analise tudo com cuidado


Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
12 + 6 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4