Casal australiano é indenizado e conquista direito de adoção

Apesar da existência de leis australianas que permitam a adoção de crianças por casais do mesmo sexo, um casal gay da Austrália foi impedido de proceder com os trâmites de adoção, configurando um ato claro de discriminação e preconceito.

O casal, que manteve a sua identidade preservada, formalizaou uma reclamação na Justiça de South Wales e conseguiu obter do Tribunal de Decisões Administrativas a revogação da decisão e ainda uma indenização no valor de 10 mil dólares australianos.

Segundo o juíz, o casal foi "ilegalmente discriminado pelas bases da  homossexualidade". Para ele, as evidências deixam claro que uma pessoa heterossexual nas mesmas condições teria obtido sucesso no processo. "Entendemos que a recusa em prover os serviços ao casal constitui tratamento desfavorável".

http://mixbrasil.uol.com.br/mp/upload/noticia/11_101_66555.shtml

 

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
7 + 9 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4