Meu namorado tetraplégico

Meu nome é Maria Paula tenho
18 anos, conheci Pedro numa festa, ele tem 19 anos.
Ele i um cara muito bonito e inteligente, mas ha 3 anos
ele sofreu um acidente de carro e ficou tetraplégico,
mexe um pouco os braços. Gostei muito dele, achei
muito agradável estar em sua companhia ele tem
uma puta cabeça, começamos a namorar mas
eu nem pensava em sexo, pois ele não tinha muitos
atrativos físicos apesar de ter beijos q me levavam
a loucura, não pensava também pois o q
rolava era algo muito louco, diferente e eu não
sabia se ele tinha condições.

Até
q um dia dei uma festa em casa, ele estava sempre na
companhia de amigos pois ele i completamente dependente.
Estávamos no sofá, estava rolando um clima
excitante, eu encima dele, beijando... foi a 1a vez
q quis transar, foi rolando, mas ai ele precisava mijar,
muitas pessoas não sabem como funciona isso então
vou explicar: são vários casos, no dele
em caso extremo i melhor ele se deitar e dar umas porradinhas
e apertadinhas na bexiga, p/ isso ele usa uma espécie
de camisinha c/ um cano q leva a um coletor, não
parece mas i simples. Seus amigos o levaram p/ meu quarto
e deitaram em minha cama, deixei-os vontade e voltei
em 15mns. Eles já tinham terminado, perguntei:
"vocês vão ficar ai?" Pedro respondeu:
"Por mim sim!" Ficamos os quatro conversando,
seus amigos foram pegar uma cerveja, ficamos a sós!
Conversamos um pouco e beijei-o, quando vi estava sobre
ele! Algo estava rolando, mas não sabia como
agir, me virei e arrisquei: "Você já
transou?" ele riu, eu envergonhada: "Sou ignorante
mesmo, não precisa rir" ele: "certo
vou te explicar.

Existem vários casos, alguns
não tem ereção, outro tem apenas
c/ o toque e outros são normais, no meu caso
preciso de toques bem carinhosos!!" Aquilo me deixou muito excitada,
foi a dica! Podia Ter sexo! Comecei a beija-lo, agora
seus beijos eram muito + excitantes, sua língua,
seus lábios, deitei sobre ele e comecei a toca-lo,
era incrível como seu pau respondia a meus toques,
fiquei molhada por dominar um pau, parei de beija-lo
e c/ alguma dificuldade tirei sua camiseta, beijei seu
corpo, fui descendo e ele falou: "Agora i sua vez"
tirei minha blusa e dei meus peitinhos p/ ele beijar
enquanto me esfregava nele, ai q tesão, ele mamava
feito um bezerro, estava molhada c/ ele me mamando e
c/ seu pau na minha mão, fui subindo o corpo
até minha cintura ficar a altura de seu rosto,
levantei, comecei a tirar a calça, tirei, ele
olhava fixamente p/ meu sexo, tirei a calcinha e ele
não tirava o olho, não tive dúvida,
me virei , abaixei e deixei-o me chupando, ai q tesão,
aquela língua entrando em mim, enquanto isso
comecei a tirar sua calça, seu pau já
não estava tão teso, então tirei
seu dispositivo (camisinha de mijar) e c/ aquela língua
me invadindo me empolguei, apertava, agitava, massageava,
acariciava aquele pintinho lindo q não era muito
dotado, mas i muito lindinho, até q retomou o
tesão e estava pronto p/ me invadir e ser cavalgado,
estava quase gozando naquela boquinha linda, então
me virei, deitei sobre ele comecei a beija-lo senti
o gosto do meu prazer q estava em sua boca e fiquei
+ excitada, peguei seu pauzinho e encaixei, ai q tesão,
estava c/ ele nas mãos fazia c/ meu namorado
o q queria, subia e descia, beijava seu rosto, boca,
orelha, pescoço e ele retribuía, estava
nas estrelas, me movimentava cada vez +, percebi q ele
sentia prazer, e não era pouco!

Tava muito bom
pensei q ia explodir, gozei, gemia como uma cabrita,
encharquei seu pau! Foi cansativo, conversamos, e eu
queria +, sabia q poderia tê-lo a hora q quisesse
e q estava em minhas mãos! Peguei em seus braços
e o sentei, fiquei atras dele fazendo-lhe uma massagem
carinhosa, ele estava adorando e de saber disso e q
ele era meu fiquei novamente excitada! Comecei a beijar
seu pescoço e lhe apalpar o corpo fui descendo
até o pau e incei uma massagem, ele observava
e soltava gemidos, não sei o q sentia! Quando
já estava duro, segurando-o p/ não cair
deitado me coloquei em sua frente ele me olhava fixamente,
olhou p/ meu sexo e me tocou, segurando-o c/ uma mão
peguei a sua e o fiz me apalpar, aquele olhar me deixou
louca, abracei-o e ele a mim e aquele beijo, me encaixei
no seu pau e brincava de carrossel no seu pau, hhhhhhmmmm,
q delícia! Fui indo p/ traz e ele caindo sobre
mim, mamando nos meus peitinhos, voltei a sentar e cavalguei,
subia e descia segurando-o pelos braços, q sensação,
minha xota apertava seu pau, e eu me movimentava rapidamente
até q ele me escorregou e caiu deitado seu pau
me forçava muito + agora, pois ele estava deitado
e eu "sentada" nele, apertava meus peitinhos
e delirava, subia e descia sem ver nada, chegava a soltar
berros. Gozei novamente!
Estava muito feliz por tudo aquilo, beijava-o e ria
e dizia q o amava, parecia uma criança q acaba
de ganhar um presente. Transamos muito essa noite, ele
não se cansava pois não gozava, mas ficava
duro Quando eu queria, o q me tornava satisfeita, grata
e muito, muito feliz, conhecemos varias posições
e novas maneiras de transar.

Passamos a noite inteira
no meu quarto, dormi c/ meu amor e amante (o melhor
q já tive), já gostava muito dele mesmo
sem sexo, agora então... To muito satisfeita
e completa, me sinto mulher c/ M maiúsculo, tenho
sexo Quando quero, pois o domino. Nossos amigos passaram
a noite na minha casa, não ousaram nos incomodar!
Não escreverei mais pois isso aqui vai ficar
muito longo, continuamos muito ativos, Quando vou transar
c/ ele me transformo e domino o meu homem . Se alguém
quiser saber + das nossas trepas me escreva q responderei
c/ prazer e esclarecerei qualquer dúvida. Amo
muito esse cara!

mapaula1@hotmail.com