Tenho vontade de estar com outros homens. Amo minha esposa e quero contar para ela. O que devo fazer?

DÚVIDA:

Boa noite, tenho vontade de me abrir para minha esposa sobre a vontade de sentir e de ser penetrado novamente por um pênis de verdade. Explico: - quando transamos ela sempre faz carinhos no meu ânus e às vezes me penetra com consolos que temos em casa e ainda ao meu ouvido diz coisas que me deixam alucinado como "é isso que você quer? uma pica de verdade?", entre outras... Bem, eu adoro ser penetrado por picas da verdade mas ela não sabe... Eu acho... Tenho vontade de revelar a ela as inúmeras vezes em que fui uma verdadeira fêmea para outros homens. O que devo fazer? Me ajude!!!

LETICIA LANZ RESPONDE:

Até muito recentemente, a homossexualidade era tida como pura sem-vergonhice e grave desvio de conduta moral. Qualquer pessoa que desejasse sentir prazer, transando com indivíduos do mesmo sexo, estaria sujeito a terríveis sanções por parte da sociedade. A rigor, ainda é assim em muitas partes do mundo, como você deve saber.

Entretanto, as coisas mudaram e continuam mudando muito, de uns vinte anos para cá. De tal forma que até mesmo aqui no Brasil, que gosta de ostentar uma fachada de liberal e progressista mas que, no fundo, ainda é um país muito conservador, a homossexualidade foi descriminalizada (ou seja, não é mais crime ser homossexual) e desmedicalizada (ou seja, não é mais tida como doença, nem física, nem mental).

A única coisa que ainda permanece viva é a tradição de que macho tem que ser macho, o que inclui evidentemente transar apenas com mulheres. O problema é que nem todo macho nasce com orientação heterossexual. Segundo os estudos científicos mais recentes, estima-se que 10 a 15% da população de machos nasce com orientação homossexual. Mais uns 10 a 15% nascem com orientação hetero e homossexual, ou seja, são bissexuais.

Pelo seu perfil, é bem provável que você tenha orientação bissexual, ou seja, goste de transar tanto com mulheres quanto com homens. Como também pode ser que você tenha orientação apenas homossexual mas, preocupado em atender as exigências das “tradições”, contraiu matrimônio a fim de dar satisfação à sociedade e manter-se à salvo, dentro das aparências.

Qualquer que seja a sua orientação sexual, quero lhe dizer que ela é normal e é legal. Você não precisa manter-se refém do seu próprio desejo, nem envergonhar-se, nem desesperar-se por querer buscar a forma de prazer com a qual o seu corpo realmente se satisfaz.

A única questão que eu sempre levanto, no caso homossexuais ou bissexuais casados, é a necessidade de buscarem, o quanto antes, um diálogo franco e honesto com suas esposas.

Vida a dois requer confiança e intimidade absoluta entre os parceiros e questões envolvendo a sexualidade do casal, quando omitidas pelas partes, poderão minar a relação de modo incontornável e definitivo. Portanto, o melhor que você faz é preparar-se para revelar à sua esposa, o mais cedo possível, esse seu desejo por relações homossexuais, mesmo porque, pelo que você descreve, é muito pouco provável que ele desapareça por si mesmo. Ou seja, você vai ter que conviver com esse desejo com o qual, aliás, já vem convivendo há bastante tempo.

Mas esse é um papo delicado que exige muita preparação da sua parte. Antes de mais nada, é preciso reconhecer e aceitar a sua orientação sexual predominante. Pode ser até mesmo necessária a ajuda de um profissional da área psi. Não hesite em busca-la se sentir que está difícil encontrar sozinho uma solução.

Quanto à sua mulher aceitar ou não a sua orientação sexual, essa é outra história que, evidentemente, só diz respeito a ela. Tal como você, ela também é livre para decidir fazer o que julgar melhor para ela.

O que eu gosto sempre de lembrar, para pessoas que, como você, mantêm relacionamento sexual fora do matrimônio, é da necessidade de se resguardar tomando os cuidados necessários na hora de transar (leia-se camisinha), a fim não apenas de se proteger, mas também de proteger sua esposa que, num descuido seu, pode ser desnecessariamente contaminada por alguma DST.

Beijos,

Letícia Lanz

Se você tem alguma dúvida..... mande seu relato, com o maior número de detalhes possíveis e seja atendida no Divã da LANZ - um lugar especial que irá acolher seu coração e te mostrar novos horizontes. Escreva para casadamaite@gmail.com

 

 

 

Opções de exibição de comentários

Escolha seu modo de exibição preferido e clique em "Salvar configurações" para ativar.

Cara depois de ler isso

Cara depois de ler isso descobri o que eu quero realmente. Quero mais do que chupar xereca que amo demais fazer isso, e só transo depois de sugar o sukinho dela na minha boca, depois que faço ela gozar e estremecer de prazer.
Mas... tenho o fetiche de chupar pau, mamar mesmo, me alimentar do leitinho quente!
Então o que você descreveu agora, é exatamente essa situação que me dará as 2 coisas pelas quais estremeço só de pensar, vou me saciar com os liquidos corporais de ambos, vou chupar los enquanto ele penetra ela, chupar o clitoris dela, e depois de tudo vou deixa los limpinhos, vou lamber e sugar tudo até não restar nada.
Encontrei esse casal para me saciar essa vontade?
Me convide para um jantarzinho intimo, e em agradecimento lavarei a louça, como descrevi acima! E estarei alimentado e feliz!

Ser ou não bisexual

Sou casado pela 3a vez. Sempre gostei de conquistas, de seduzir de namorar e claro de sexo de todas as formas, com Mulheres. Atualmente a ideia de ter um "amigo" para satisfazer meus desejos (ainda secretos) estão me martirizando. Fico me comunicando com outros homens através de sites de relacionamento e claro o assunto é sexo. A ideia de ser penetrado, de segurar e chupar um pênis está me tirando o sono. Amo minha esposa, mas gostaria muito de experimentar e talvez continuar com esse tipo de relacionamento.
Mas como já dito em tópicos anteriores, não gosto de agarração, beijos e amassos, enfim o que me traria prazer seria apenas o contato sexual, através de outro homem, mas sem nenhum envolvimento emocional ou afetivo, exceto a amizade.
Quem quiser trocar idéias: rykrecife@hotmail.com

história excitante4

Poxa cara,essa sua história é muuuuito excitante!!! Me mande um email para conversármos a respeito. Tbm sou casado.Aguardo seu contato.

Quem sou eu pra gostar de pau?

Sou homem, e anos antes de me casar com uma mulher linda, tive uma única aventura gostosa e homossexual com um amigo gay, que me deixou muito a vontade na ocasião. Fui passivo e ativo. Tanto com minha esposa como com outras antigas namoradas, sempre criei intimidade suficiente para que elas me estimulassem pelo ânus com o que fosse prazeiroso, sejam dedos, língua ou consolos. Sempre consegui criar um ambiente saudável para tal.

Não curto homens, não cobiço ou me apaixono por homens, eles nunca me atraíram sexualmente. Nenhum deles! Não porque eu seja mal resolvido ou um gay enrustido. Simplesmente meus desejos, meu espítiro e a química do meu corpo, não me levam a querer um homem. No entanto, adoro a sensação de uma penetração e tenho tesão em chupar. Tenho tesão em pênis! O consolo que uso com minha esposa não é suficiente, pois comparando, parece com o efeito da masturbação diante do sexo. Falta algo! Sinto falta de um pênis de carne, quente e de verdade.

Se minha esposa tivesse os dois, além daquela xotinha gostosa, um pau bem viríl, acho que seria um homem realizado! Fico muito na dúvida se contenho meus desejos, levando a vida assim, ou se busco experiências com penetração real. É possível gostar de pênis, sem gostar de homens?!!

Minha esposa sabe desta experiência homossexual que tive no passado. Quando contei, logo no início de nossa relação, ela ficou chocada por dias. Tivemos que conversar por muito tempo até que seus paradigmas mudassem e ela entendesse minha experiência.

Em uma de nossas conversas, comentei que se por acaso acorresse de fazermos sexo a 3 ou algo parecido, caso envolvesse um homem, talvez dependendo do tesão, eu pudesse me satisfazer sexualmente com ele. Tudo dependeria do momento. Curioso é que ela comentou que também dependendo do momento, não se esquivaria caso recebesse prazer de outra mulher. Gostaria muito que ela me apoiasse e me entendesse mas já conversamos sobre o tema e ela não se sente bem em nos envolvermos sexualmente com outras pessoas, seja homem ou mulher.

Também não sou o cara promíscuo que busca sacanagem a qualquer preço. Simplesmente gostaria de extravasar, com o apoio da pessoa que amo, esta minha energia sexual e desejo de ser penetrado de verdade.

Obrigado pelo espaço e opinião de todos!

bisseualidade

Sou casado e pai de dois filhos. Durante nossas transas, minha mulher beija, lambe e enfia um ou dois dedinhos no meu ânus, o que deixa meu tesão a 1000. Nunca transei com um homem, mas, confesso, que tenho vontade. O que me chama atenção no homem é seu pênis, seu peito e sua bunda. Tenho vontade de chupar um pênis e ser chupado, bem assim lamber o ônus e também ter o ânus lambido. Ainda não tive coragem de me abrir para minha mulher, embora acho que ela desconfie, diante do meu tesão quando ela penetra seus dedinhos no meu ânus. Acredito que não terei coragem de contar à ela e por isso estou decidido a transar com um homem às escondidas. O problema como conseguir isso sem levantar suspeitas, já que vivemos numa sociedade conservadora, sobretudo por eu ser uma pessoa muito conhecida e bem relacionada na sociedade. Gostaria de manter contatos com pessoas que possuem o mesmo desejo e dificuldade para amizades e, quem sabe, um possa ajudar ao outro. (xsilvasouza@gmail.com)

Não leve sua mulher para

Não leve sua mulher para esse caminho, procure um Homem viril e ativo e ceda para ele.

Experimente vc vai gostar

Libere-se sinta o prazer do bisexualismo, faça oq ue tiver vontade com segurança.

Sexo anal

Olá, spu casado, sou cristão e tenho vontade de ser penetrado, sei que é pecado, mas é uma vontade imensa.
Minha esposa antes de casarmos me acariciava o anus, eu amava, mas começamos a ir para a igreja e resolvemos parar, porem de tempos em tempos tenho essa tentação, tenho nojo de homem, não sinto atração alguma, porem sinto vontade de ser penetrado, de chupar um pinto enquanto outro pinto está dentro de mim e ao mesmo tempo ser chupado, mas não posso, fico brigando com esse pensamento, é horrivel...
Se ao menos minha esposa me tocasse, lambesse meu anus eu iria amar, porem tbm é pecado...
O que eu faço???

bisexual

Ola Thiago, sou homem casado pai de 2 filhos lindos que Deus me deu , Adoro , Amo, Tenho muito tesao por mulheres e suas bucetinhas deliciosas, porem eu tambem tenho esse tipo de problema, igualzinho a vc, fico com a conciencia pesada, minha esposa ja beijou, lambeu e enfiou 2 dedos no meu anus, ela literalmente me comeu, e eu adorei, amei gozei muito... porem tenho vergonha de pedir ela fazer isso novamente.... tenho muita vontade de ter uma experiencia bisexual com um homem , chupar um pau e enfiar um,dois dedos no seu cuzinho enquanto eu o chupo e vice versa. vou mais longe... fantasio fazer sexo com minha esposa com mais um homem bi fazendo de tudo inclusive eu fazendo um 69 com ela por cima , eu lambendo seu clitoris e um amigo comendo sua bucetinha e eu vendo bem de pertinho e se escapasse eu iria abocanhar o penis e enfia-lo novamente nela, tudo isso enquanto ela me chupa....
Gostaria de entrar em contato contigo, para trocarmos experiencias a respeito do bisexualismo... orientalh2000@yahoo.com.brentre em contato comigo.
Acho extremamente normal nossa vontade de estar com um homem e amar mulheres com suas bucetinhas maravilhosas.

BISEXUALIDADE

Oi Leticia,
Meu caso é intrigante, eu sempre desejei muito mulheres sempre fico louco de tezão quando vejo uma gata principalmente mostrando pernas e barriga, mas minha esposa sempre anda com outras intensões ou seja ela tranza comigo sempre fantasiando e começa perginto o que quer que ela faça, eu fico quieto e ela começa perguntado se eu quero que ela me coma, para agradar ela e a mim tambem eu concordo, ela começa chupando meu anús e depois carinhosamente começa a penetração com os dedos, cenora, ou se tiver em mãos um vibrador eu curto no momento mas após o orgasmo de ambos eu fico com despreso do acontecido e só fico com vontade de comer ela, mas ela continua insistido e eu tento agradar ela. ela tambem pergunta se eu quero uma pica de verdade porque ela quer ver um homen me comendo, ai eu pra verificar essa possibiliade fui tranzar com um homen e senti tezão na hora e depois nojo, ela ficou sabendo que eu tinha feito brigou comigo e terminou o relacionamento, não entendi mais nada, pode me ajudar,
Obrigado,
att,
Thiago

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
4 + 11 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4