Gay

Fábio, o amigo do meu pai!

Olá esse é o meu primeiro conto aqui, me chamo Nick, tenho 19 anos 1,68 e 60 kg, sou moreno claro o que aconteceu comigo já faz algum tempo, era sexta-feira, estava sozinho em casa, meus pais tinham viajado na quarta - feira, estava trocando de roupa, por que tinha acabado de tomar banho, coloquei uma calsa de moleton que deixa a minha bunda bem desenhada, ( sou bem bumdudo, tenho uma bumda bem redonda ) e uma camiseta de manga cumprida, quando eu estava colocando uma meia nos pés, a campainha tocou, para a minha surpresa era o Fábio, o amigo do meu pai, ele era moreno de 1,80 olhos verdes uns 70kg, e uma bumda de dar inveja, comprimentei ele, e ele logo me pediu do meu pai,
( ele ) - Eaí Nick, tudo bem? o teu pai tá aí?
( eu ) - Oi tudo bem sim! ele viajou só volta terça-feira.
( ele ) - Hum.. eu precisava falar com ele.
( eu ) - mas por que voce não liga pra ele?
( ele ) - Bah mas eu estou sem cartão no celular!
( eu ) - liga do meu, entra aí vai!

Dois machos na Frutinha

Aconteceu em Campinas, numa bela chácara de um amigo meu, com quadras de tenis e volei, piscina e tudo o mais. Era uma festa simples, de tarde, com muitas pessoas, eu quase não conhecia ninguém.

Veado é Tudo Igual!.. Será Que Tenho Razão Mesmo?

Em 15/06/2005 fui passar minhas férias na fazenda de meus Tios em Goiás. A fazenda está localizada em Alto Paraíso na Chapada dos Veadeiros. Uma propriedade linda com uma fachada moderna e aconchegante, totalmente voltada para o desenvolvimento sustentável. Lembro do aroma do campo e dos pastos, das áreas utilizadas para as criações de cavalos e de gado. Muito bonita também era a área utilizada para a agricultura, aproveitando o riacho que corta a propriedade.

Chegamos por volta das 22h00min do dia 15/06/2005, uma data em que não esquecerei jamais, pois minha vida mudou muito durante esse período. Meus Tios Sandoval e Wanda nos receberam e estávamos tão cansados que fomos dormir. Ao amanhecer descemos para tomar o café e nossos Tios nos informaram que estariam ausentes por uns quatro dias para participarem de uma exposição de criadores de gado. Ficaríamos aos cuidados do Capataz Tarcísio, que nos atenderia em tudo, pois era a pessoa de confiança da fazenda.

O primo gostoso do meu amigo

Oi, meu nome é bruno e moro em valinhos SP, tenho 18 anos, pele clara, cabelos e olhos castanhos, tenho cerca de 1,80, sou meio gordinho mas digamos que atraio olhares hehe. Nunca peguei homem, nunca dei, nem chupei ninguém, mas esse fim de semana, sábado 21/04 foi quase.

Eu e meus amigos sempre nos juntamos na casa um do outro quando os pais saem e passamos a noite inteira comendo e jogando vídeo games, já fizemos isso milhões de vezes e sempre foi tudo muito divertido e decente, mas nesse ultimo, íamos pra uma chácara dos avós de um amigo e foi tudo diferente.

Vendo estrelas com um Homem

Olá pessoal, me chamo Brunno Scarlett e esse é o meu primeiro conto aqui. Há muito tempo leio relatos e histórias, na Casa da Maite, que me deixam arrepiados. De tanto visitar esse maravilhoso site, resolvi dividir minhas experiências e também colocar minha imaginação em prol da nossa busca por leitura prazerosa, tentando retribuir os ótimos momentos que vocês me deram e ainda dão. Espero que gostem. Eu sou moreno claro, tenho 1,73m, 30 anos bem vividos; sou um cara simples, que adora viver o lado positivo da vida.

Dei naturalmente

Olá, tenho 51 anos de idade, aposentado, casado e aventureiro.
Peso 94 kg,  1,74m de altura, calvo pênis de 13 cm.
Há muito tempo quando eu e minha mulher transamos introduzimos vibradores em nós mesmo, nela na vagina e ânus e em mim é claro só no ânus.
Quando o vibrador atinge a região da próstata me dá muito prazer, e para não sentir dores usamos lubrificantes e preservativos.
Minha mulher sempre me incentivou a dar para alguém de verdade, sentir um pinto de verdade e mandou-me procurar um gay, más sempre usar preservativos.

Meu dia de sorte

Mais um dia de trabalho árduo, pensei, enquanto esperava o ônibus de volta pra casa. Horário das 18 horas já viu, aquele maior auê, para conseguir pegar um lugar para sentar da condução. Ônibus lotado, por sorte a menina que estava sentada, saiu no ponto seguinte ao que eu entrei. Sentei naquele banco como se fosse paraíso, trabalhar 10 horas de pé é bem cansativo.

Descobrindo o que é amor

Todo mundo quando jovem tem um melhor amigo, aquele que faz tudo junto com você, que brinca junto, apronta, estuda, faz bagunça e que até na hora de levar aquele esporro dos pais esta ali junto com você, pois bem eu também tive um amigo assim o William, eu morava em uma rua onde havia muitas crianças porem o nenhum dos meus amigos se comparava ao William quando brincávamos sempre dávamos um jeito de ficar juntos, fossem em duplas ou no mesmo time, estudávamos na mesma escola era parceria mesmo, porem com o passar do tempo quando íamos entrar no ensino médio os pais do William optaram por transferi-lo para um colégio militar tirando-o do colégio particular católico onde estudávamos tudo isso pelo fato dos pais dele terem se convertido ao evangelismo, ou seja, seus princípios filosóficos já não mais eram os mesmo da igreja católica, conforme os meses se passavam eu e meu amigo nos tornávamos estranhos um aos olhos do outro, apesar de morarmos na mesma rua, ele passou a me visitar apenas aos sábados

Dois casados no hotel....

Me chamo Marcelo, sou alto, tenho 1,88, 88 kgs, 34 anos, bonito e claro...realmente chamo a atenção!!!

Viajo constantemente para o interior do Paraná principalmente, e sempre me hospedo em hotéis. Como vocês sabem quando ficamos sozinhos sempre procuramos diversão e como passar o tempo de maneira prazersosa.

Estava em um hotel em Maringá e resolvi subir ao terraço, aonde ficava a piscina e a sauna, já que era um dia bem agradável naquela cidade.

Vesti a sunga e peguei um roupão que o hotel oferece e subi ao terraço. Cheguei lá entrei na piscina e comecei a me refrescar...

Neste meio tempo chegou um cara alto também aparentando uns 30 anos com um corpo similiar ao meu...Ele chegou e me encarou...e entrou no reservado da sauna!!!

Na hora achei normal e nem passou pela minha cabeça que poderia rolar alguma coisa...o cara ficou lá uns 5 minutos e saiu....apenas olhou novamente e disse que já voltava!!!

Homofóbicos podem ter sentimentos homossexuais secretos

Pessoas que têm sentimentos fortes contra homossexuais podem estar lutando contra seus próprios desejos secretos por pessoas do mesmo sexo.

Uma nova pesquisa desenvolvida na Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, mostrou que pessoas que possuem visões hostis em relação à homossexualidade podem ter essas tendências, mas lutar contra elas e escondê-las de outras pessoas. A homofobia pode se originar também a partir de pais autoritários, com opiniões fortes contra os gays.

“Esse estudo mostra que se você tem aquele sentimento de reação visceral em relação a um grupo (social), se pergunte ‘por quê?’”, explica o pesquisador Richard Ryan. “Essas emoções intensas deveriam servir como uma chamada para auto-reflexão”.

A pesquisa foi publicada no periódico Journal of Personality and Social Psychology.

Versatilidade Virtual

Olá leitores! vou relatar nesse conto uma ótima experiência que tive com um garoto aqui em São Paulo. Primeiro, vou me descrever; tenho 21 anos atualmente, cerca de 1,80m, uns 75kg, em ótima forma, tenho olhos castanho claro, cabelo preto bem escuro e uso-o arrepiado, pele morena bem clara. Me considero bissexual (não assumido e discreto), mas tenho mais interesse em garotos.

No banheiro da estação de trem

Bom esse é meu primeiro conto, de tanto ler decidi escrever uma experiência que eu tive...
Tenho 20 anos, sou branco bem lisinho, uma bunda grande, lisinha e bem gostosa.. Tenho cara de ser mais novo, 1.80 e 80kg, me acho bem bonito com cara de muleke..
Discreto e ninguém sabe desse meu tesão por homens, e que tesão! Tem dias que me da aquela loucura pra achar o cara que vai tirar meu cabaço porque ainda sou virgem, nunca dei meu cuzinho...
E em um desses dias de tesão no máximo fui até o shopping Eldorado almoçar e na volta decidi voltar de trem, passei a catraca e claro decidi dar uma passada no banheiro... Ainda na escada vi que um cara entrou no banheiro, ele era moreno da minha altura, magro, bonito, barba pra fazer e cara de homem safado.. Ele ficou no mictório e eu entrei na cabine...
Mijei, e depois abri a porta e ele estava la ainda.. Saquei que ele tava afim de alguma coisa porque ninguém demora tanto pra miijar rsrs

Não Se Pode Confiar em Ninguém Mesmo

Oi... Meu nome é Michael e moro em Santos-SP... Em 2010 concluir o curso de Fisioterapia e no semestre passado aconteceu algo que transformou minha vida e confirmou que não existe melhor amigo e muito menos confiança entre as pessoas...

Durante o curso costumava sair com o Leandro, que considerava meu melhor amigo... Às vezes ficava puto com umas brincadeiras idiotas de passar a mão na bunda... Sempre gritava: “PORRA LEANDRO DEIXA DE SER GAY... CARALHO! VAI ALISAR A BUNDA DE OUTRO, SEU PORRA”... O pior é que o sacana fazia sempre isso... Passei a não esquentar mais... Numa sexta-feira por volta das 00h00min estávamos saindo de uma pizzaria, indo em direção ao carro de Leandro e percebemos um negro alto e forte se aproximando... O negro apontou uma arma e disse: “CALEM A BOCA E ENTREM NO CARRO... VAMOS LOGO SE NÃO ATIRO PORRA”...

Idosos homossexuais sofrem com falta de apoio

Membros mais velhos da população LGB (lésbicas, gays e bissexuais) têm maiores probabilidades de desenvolverem doenças crônicas, mentais e sofrerem isolamento, quando comparados a heterossexuais.

O projeto é o primeiro a apresentar dados sobre o assunto tendo como base a população de um estado. Enquanto a maioria dos estudos fica restrita às necessidades relacionadas à AIDS nesse grupo de pessoas, a nova pesquisa mostra informações quanto a outras condições de saúde.

A população idosa LGB autodeclarada da Califórnia é estimada em 170.000 pessoas, e espera-se que esse número dobre até 2031.

Do Trampo para Cama a 3

Ola
Vou aqui me identificar como D... Tenho 1,70 de altura, 75 kg 21anos
17 cm de pika olhos e cabelos castanhos escuros, e marcado de suga!
Meu conto é Real e começa no meu trabalho.
Trampo no caixa em um super mercado perto de casa, no período da noite
Era por volta das 20h quando percebi que tinha dois caros bonitos e bem apresentáveis no caixa da minha frente, passando cerveja e tal, um era moreno claro e outro era loiro...
De repente, curti aparentemente, e fiquei encarando, quando dei por mim eles estavam correspondendo a minha olhada, um até ficou sem jeito, mas ainda sim olhava. E logo se foram.

Gozando na boléia

Eu era amigo de Juarez, o caminhoneiro, há uns cinco anos. O conheci num bar de estrada e depois de algumas cervejas, o convenci a irmos para uma pousada barata brincar um pouco. Moreno alto, casado e conservador, 35 anos, foi difícil pra ele me deixar comer aquela bundinha gostosa, mas o safado acabou cedendo. Foi uma vez só, há muito tempo e acho que ele acabou ficando travado, pois nunca mais tinha ficado com outro homem. Pelo menos era o que ele me falava... Depois daquela vez, nunca mais tocamos no assunto, apesar de eu sempre sentir um clima de tesão entre nós dois. Hoje não resisti e investi de novo.
Trabalhamos na mesma multinacional e como tínhamos ficado até tarde em uma feira agrícola, acabei pegando carona no caminhão dele. Pra quê? Ficar quieto ali na boléia do caminhão ao lado daquele homem exalando masculinidade não foi fácil. Ainda mais que, depois de algumas cervejas na feira, estávamos mais relaxados que de costume e ele foi falando de suas experiências recentes com outros homens.

Casado chupou e gostou

Olá, meu nome é Alex, tenho 42 anos, sou casado á 20 anos e vivo muito bem com a minha esposa, apesar de termos uma vida sexual muito ativa (praticamente todos os dias), sinto falta de algumas coisas. Adoro sexo oral, mas a minha esposa, que é do interior, é muito reservada, apesar de já ter feito isso algumas vezes, parece que fica meio sem jeito, de modo que eu preciso praticamente de implorar para isso acontecer, o que fica muito chato.
Entăo fui pela primeira vez a uma dessas galerias eróticas, onde vocę assiste a filmes porno em cabines individuais que tęm um buraquinho onde uns viadinhos ficam ali implorando para te chupar.

Estava eu lá me punhetando quando um cara botou a boca naquele buraco e ficou ali balançando a língua, botei meu pau duro como uma pedra em sua boca, ele chupou gostosamente até eu gozar e depois engoliu tudo. Isto foi o suficiente para eu me viciar, sempre que desejo uma boa chupada, vou lá e acontece geralmente a mesma coisa.

dEVOÇÃO aNAL

PARTE 1

Meu corpo sabe que é hora de acordar, ameaço abrir os olhos, mas a preguiça os mantém fechados... uma forte ereção sempre me domina pela manhã, nessa hora acho que trocaria uma semana de comida por alguem me pegando por trás... forte, mordendo meu pescoço, como seu eu fosse uma menininha. Imagino ainda meio que dormindo um macho passando a língua na minha nuca, nós dois de cueca posso sentir seu membro duro entre minhas nádegas... respiro como que sentindo um calafrio, a respiração é cortada muitas vezes mesmo no breve tão breve momento de inspirar.

De boca no amigo hetero

Ola amigos, é primeira vez que escrevo um conto sobre mim e divulgo. Aqui irei me tratar por Michael (fictício). Irei começar falando um pouco de mim, tenho entre 18 e 25 anos, moreno claro, olhos castranhos, 1,85m, 73 kg, trabalho e estudo em graduação e não me classifico como gay independente da minha opção sexual. O que irei contar aconteceu na ultima semana de 2011 (ficará na lembrança, com certeza). Tudo aconteceu na casa de um de meus amigos onde fomos passar o ano novo. Chegamos a tarde, logo após o almoço, desfizemos as malas e famos relaxar da viagem. E com o mesmo ritmo da conversa, começamos a beber. Tinha de tudo um pouco e apenas sei que já no meio da tarde estavamos totalmente bebados. Depois de muito bebermos apenas lembro de um de meus amigos me acordando por volta das 23:00 da noite. Tomei um banho e comi alguma coisa para ver se cortava o efeito do alcool. Até este momento ja haviam preparados dois colchões no chão para que eu e mais um amigo (aqui irei chamar de John) pudessemos passar a noite.

Encontrei um sacana no ponto de ônibus

Olá. É a primeira vez que publico neste site e tudo que vou relatar aqui ocorreu realmente. Bem como é minha primeira vez vou primeiro me descrever: tenho 24 anos, 1, 65 m, 60 kg, branco, magrinho, mas com corpo definido, olhos castanhos esverdeado, bonito (dizem). Sou um cara discretíssimo (a maior parte do tempo), bissexual, mas com mais atração por homens, solteiro, porém namorando no momento, no entanto não dispenso uma sacanagem que valha a pena.

 


Conteúdo sindicalizado