Família

warning: Creating default object from empty value in /home/maite/public_html/modules/taxonomy/taxonomy.module on line 1390.

Eu e meu tio

Olá, amigos... Meu nome é Junior, tenho 21 anos. O que vou relatar
agora aconteceu há mais ou menos uns 15 dias. Meus pais tiveram que
fazer uma viagem de última hora, só que meu tio iria chegar de viagem
nesse mesmo dia! Então meus pais pediram pra que eu o recebece e o
acomodasse até a chegada deles. Foi o que fiz, ele chegou e eu fui
busca-lo no aeroporto. Meu deus, na hora que vi ele fiquei louco. Ele
estava lindo, todo fortão, depilado, com uma roupa bem coladinha e
aquele sorriso safado, ele tem 27 anos e é lindo. Branquinho, cabelinho

O cara dos meus sonhos

Olá eu tenho 28 anos, sou loiro e tenho um caso fixo com o meu irmão de
23 anos. O que venho contar hoje é sobre uma história de um fim de
semana em Buzios. Eu e meu namorado estávamos indo pra lá quando nosso
carro quebrou na pista e ficamos na mão, meu irmão foi logo ligando
para um de nossos mecânicos que veio nos ajudar, afinal era sábado e
ninguém atende no final da tarde. Mas o J. veio ao nosso encontro. Como
ele já tinha fechado a sua oficina, estava usando um short branco e uma
camiseta regata.

Tio gostoso

O fato Aconteceu em Dezembro de 2006. Quando fui visitar minha tia no
interior. Foram dias de muito tesão. Sempre fui muito reservado e nunca
falei sobre meus desejos com ninguém. Tenho 36 anos, negro, peludo e
muito fogoso. Mas vamos aos fatos. Meu tio tem 51 anos, tem os braços
fortes e um tórax de deixar qualquer um louco, pernas grossas e uma
boca linda.

Peru de Natal

Era lindo vê-lo se exercitar. Do alto de seus quase 1,90 m, era
possível ver o suor delineando cada curva do seu bem-trabalhado tórax.
Trajando apenas calção negro, exalava toda a sua virilidade ao fazer de
seus 95 quilos, de pura massa muscular, o instrumento perfeito para
manter seus bíceps e tríceps. Ele não sabia que eu, seu padrasto, o
observava, vendo o que os seus vinte e poucos anos era capaz de fazer
com um senhor de meia-idade como eu.

Meu irmão foi o primeiro

Tenho 20 anos, vou relatar o meu conto erótico. Meu irmão tem 22. O
pau era grosso e comprido. Parecia olhar diretamente nos meus olhos e
me chamar. Atraía como uma serpente e eu, parado na porta, sem saber
direito o que fazer. O chuveiro molhava e escorria os cabelos, os olhos
fechados e todo o corpo do meu irmão, enquanto sua mão massageava
lentamente o instrumento da minha agitação. Ele sabia que eu estava
ali, mas evitava me encarar, esperando que eu sozinho tomasse a
decisão. Ele sabia a confusão e a luta que aconteciam dentro de mim, na

Meu irmão - um desejo proibido

O que passo a relatar aqui é um segredo que jurei que morreria comigo, mas hoje resolvi compartilhá-lo. Eis o que segue:

Meu irmão é um puto

Tenho 32 anos, casado e modéstia a parte, sou bem saradinho, pois
sempre procuro manter um corpinho gostoso. O que irei relatar aconteceu
quando tinha 25 anos. Tenho um irmão mais velho de 34 anos e nessa
época dormíamos juntos no mesmo quarto. Sempre tive tesão por meu
irmão, naquele corpão malhado.

Dei gostoso

Isso
aconteceu comigo a um tempo atraz. Fui visitar meu irmão em Fortaleza,
não o via a bastante tempo, eu sabia que ele ficaria muito feliz. Ao
chegarmos, fomos recebidos por ele e a mulher, (não vou citar nomes).
Cheguei com minha esposa e ficamos na sua casa que é muito confortável.
No segundo dia, ele me convidou para irmos a uma pescaria que ele e uns
amigos iriam fazer numa praia proxima a Fortaleza. Fui com ele e
encontramos com mais dois amigos na referida praia.

Fêmea do meu irmão

Meu mundo desmoronou com a morte de meus pais. Mano caçula, restavam
agora uma irmã e um irmão. Minha irmã já estava casada e com filhos.
Meu irmão, de 28 anos, solteiro, tornou-se meu pai e amigo, morando
ambos sozinhos em nossa mansão no bairro do Morumbi. Meu pai deixou uma
grande empresa sobre nossos cuidados, sendo meu irmão agora o maior
responsável pelos negócios da família. Eu, um rapaz saindo da
adolescência, confuso em minha sexualidade, de repente me via
totalmente sozinho, já que meus pais eram um porto seguro. Sempre fui

Papai com meu melhor amigo

Hoje não tive aula no colégio. Um professor faltou e como só teríamos
aula no último tempo, fomos liberados. Voltei pra casa mais cedo do que
o de costume.

Garanhão do pai

Meu nome é Marcos, sou viúvo, tenho 44 anos, 1.87, sou bonito, peludo,
másculo, corpo bem cuidado., faço academia, tenho 17cm de pica.
Meu filho Artur tem 21 anos, 1.92, loiro, olhos azuis, cabelos lisos,
usa penteado estilo espetado), braços e peito fortes com poucos pelos
mas bem bonitos. Ele também faz academia comigo.

Meu pai e o pedreiro

Meu nome é Artur, tenho 21 anos. Quem já leu o conto "Garanhão do Pai"
que meu pai escreveu, sabe que eu e ele somos amantes há algum tempo e
somos muito felizes juntos.
Mas hoje, a pedido dele, vou contar como descobri que ele curtia homem.
Minha mãe morreu quando eu tinha 12 anos e eu moro com meu pai que nunca mais voltou a casar.
Ele tem 44 anos, 1.87, é bonito, peludo, másculo, corpo bem cuidado, faz academia, tem 17cm de pica.
Estávamos passando por uma reforma e para essa foi apenas contratado um pedreiro.

Papai abandonado

A separação foi tumultuada, a traição, as ofensas mútuas e ela deixou-o
por outro “mais macho que ele”, nunca mais apareceu nem deu notícias
exceto um cartão de aniversário nos meus 18 anos, que mãe!!!

Lance de pai e filho - capítulos 7, 8 e final

Hoje era dia de ir à faculdade e entregar os documentos pendentes para
a matrícula do próximo período. Eu atrasei para fazer a matrícula e por
isso, tive de ir pessoalmente à faculdade para resolver. Chegando lá, a
fila estava enorme. Me avisaram que tinha de pegar uma senha. Meu
número estava bem distante de ser atendido. Demorei muito para ser
atendido. Tive tempo para fazer muitas coisas. Aproveitei para comprar
um lanche e depois ir ao banheiro. Enquanto estava no banheiro, entrou
um faxineiro que trabalhava ali para fazer o seu serviço. Mas notei que

Como comi minha sobrinha usando o MSN

Sou Luiz Paulo e tenho 37 anos, casado 2 filhos e uma esposa linda e
maravilhosa. Sempre concordei plenamente com as decisões de minha
esposa. Foi por isso que aprovei a contratação de nossa sobrinha para
trabalhar em nossa casa. Melissa é uma menina adolescente cursando o 2º
grau que precisava de ajuda. Sua mãe, irmã de minha esposa vinha de uma
separação dolorosa com o marido e passava por dificuldades financeiras.
Pediu para darmos trabalho para uma de suas filhas para que ajudasse no
sustento da casa. Melissa trabalhava de manhã e a tarde ficava

A priminha inocente

Meu nome é Cezar, tenho 22 anos, e essa história que eu vou contar agora aconteceu há dois anos.

Família perversa

A história a seguir é veridica e ocorreu comigo a um ano atrás. Minha
mãe sempre foi um tesão por onde ela passava todos os homens olhavam.
Ela tem 38 anos, quando eu nasci ela estava com 18 anos e meu pai 19.
Minha mãe tem 1,63m, 53Kg, peitos de cilicone(eles eram muito
pequenos), bunda em pé barriguinha lisinha e coxas grossas, sua boa
forma se deve as varias horas de malhação diaria dela. Bom! vamos ao
que interesa desde os 14 anos sentia tesão pela minha mãe mas achava
que tudo iria ficar somente na imaginação e eu me contentando na
punheta.

Um amor de filho

Meu nome é Vera e depois de ler vários relatos sobre incesto resolvi
participar relatando o meu acontecido a 6 mêses atras. Depois de um
casamento muito tumultuado finalmente me separei, meu "ex" foi morar em
outra cidade e nosso filho Roberto ficou morando comigo. Beto como
costumo chama-lo é um garoto lindo no auge dos seus 12 anos. Com a
separação e agora morando sozinhos aumentou mais ainda aproximação
entre nos. Sempre vivemos uma vida muito boa e confortável e meu filho
tinha de tudo eu dentro do possível me esforçava para que nada faltasse


Conteúdo sindicalizado